ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Procura por dívida de Portugal a 30 anos supera 3,6 vezes a oferta
22-05-2024 19:27

Portugal colocou três mil milhões de euros em obrigações a 30 anos, através de uma emissão sindicada de dívida, reforçando assim a liquidez na curva das "yields" da República, nas maturidades mais longas e criando um novo "benchmark" a três décadas. 

A procura superou 3,6 vezes a oferta, apesar de o mercado das obrigações denominadas em euros "ser muito concorrido", salienta a Agência de Gestão de Tesouraria e Dívida Pública em comunicado. 

Ao todo, a procura cifrou-se em 10,9 mil milhões, incluindo uma participação conjunta de 950 milhões de euros dos "bookrunners", composta por 165 ordens.

Conforme já tinha sido adiantado pela Bloomberg, o cupão ficou fixado nos 3,625%, um prémio de 115 pontos face à taxa "midswap" do euro. Na abertura dos livros de ordens, o "guidance" apontava para um prémio de 118 pontos base face à taxa "midswap" do euro, o que indicava um juro de 3,71%.

As obrigações colocadas vencem a 12 de junho de 2054 e os "joint lead managers" foram o BBVA, BNP Paribas, Bank of America Securities, Deutsche Bank, Novo Banco e Santander.

Portugal não se financiava com esta maturidade desde fevereiro de 2021, quando avançou também com uma venda sindicada de dívida a 30 anos. Na altura, a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública - IGCP colocou 3 mil milhões de euros com um prémio de 85 pontos base, o que fixou o juro em 1,02%.

As condições de mercado alteraram-se, contudo, desde então com o Banco Central Europeu (BCE) a subir as taxas de referência, levando a um agravamento dos juros da dívida. 

As vendas sindicadas tendem a ser mais caras do que um leilão de obrigações, mas permite ao país colocar um montante mais elevado de uma só vez. Na abertura do ano, Portugal recorreu, como habitual, a este tipo de operação para emitir quatro mil milhões de euros em obrigações do Tesouro (OT) a 10 anos com um juro de 2,948%.

Após esta operação, o IGCP já executou 87% do programa de financiamento para este ano (em termos nominais 13,9 mil milhões de euros). No mercado secundários, os juros da dívida portuguesa a 30 anos (que vencem em 2052) terminaram o dia a agravar-se 1,4 pontos base para 3,561%.

Aeroportos e outros serviços voltam à normalidade após falha informática global
20-07-2024 18:51

Sindicato despeja o promotor do mais mítico torneio de futebol infantil de Portugal
20-07-2024 18:41

Mayan candidata-se à liderança da Iniciativa Liberal para tornar o partido ambicioso
20-07-2024 17:07

BCE quer bancos alinhados com combate às alterações climáticas
20-07-2024 17:00

Israelitas reforçam investimento de luxo na foz de Gaia com T3 a chegar aos 1,7 milhões
20-07-2024 16:15

Apoios para janelas e painéis solares: Governo começa a pagar, finalmente
20-07-2024 15:34

Antiga deputada ucraniana assassinada na rua em Lviv
20-07-2024 15:05

Nigéria aplica coima de 202 milhões à Meta por violação de proteção de dados
20-07-2024 14:47

Guiné Equatorial assume gestão de campo petrolífero da Exxon Mobil
20-07-2024 12:46

Opções de compra de ações funcionam como incentivo a trabalhadores de startups europeias
20-07-2024 12:00

Tribunal Arbitral decreta serviços mínimos para greve na CP dias 22 e 24 de julho
20-07-2024 11:47

O Simplex do PSD. As medidas para a digitalização em três minutos
20-07-2024 10:00

Representantes do G20 discutem aliança contra a fome e imposto para super-ricos
20-07-2024 09:48

Setor do vinho com excesso de ?stock? quer agilização de verbas e vender mais caro
20-07-2024 09:36

Brasil restringe exportações de carne de aves para 44 países após surto de Newcastle
20-07-2024 09:20

OE2025: Luís Montenegro elogia postura construtiva dos partidos nas negociações
20-07-2024 09:13

Portal das Finanças com interrupções no acesso durante duas horas no domingo
20-07-2024 09:07

Investidores deixam CrowdStrike "às escuras" após empresa provocar apagão
19-07-2024 22:25

Wall Street em queda antes das contas das "megacaps"
19-07-2024 21:24

DBRS eleva perspetiva de Portugal para ?positiva?. Rating mantém-se no sexto nível mais elevado
19-07-2024 21:07

Ajuda

Pesquisa de títulos

Fale Connosco