Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Corticeira Amorim terá fechado 2016 com lucros acima dos 100 milhões
20/02/2017 10:36

O CaixaBI estima que a Corticeira Amorim tenha fechado 2016 com um crescimento dos resultados líquidos em 82% para 100,1 milhões de euros. A confirmar-se esta previsão, será a primeira vez que a líder mundial na produção de rolhas de cortiça alcança lucros acima da fasquia dos 100 milhões de euros.
 
Numa nota de antevisão dos resultados, que a empresa vai apresentar antes da abertura da sessão de quarta-feira, 22 de Fevereiro, o CaixaBI também antecipa receitas recorde na Corticeira Amorim (+7,3% para 649,2 milhões de euros).
 
Na nota intitulada "Previsão de resultados de 2016  -  um ano recorde", o analista José Mota Freitas diz que a prestação da Corticeira é justificada sobretudo pela "prestação favorável" da unidade de rolhas de cortiça. Nesta área as receitas terão crescido 8,6% para 426,7 milhões de euros.
 
O EBITDA terá aumentando 22,7% para 124,1 milhões de euros, com a margem EBITDA a progredir 2,4 pontos percentuais para 19,1%, beneficiando com "efeito positiva das taxas de câmbio no final de 2016 e melhorias orgânicas".
 
Além do progresso operacional, a empresa liderada por António Rios Amorim beneficiou também com factores extraordinários, com destaque para o encaixe de 30 milhões de euros com a venda de uma empresa nos Estados Unidos. Uma operação que "ajudou o lucro a superar ligeiramente a marca recorde dos 100 milhões de euros", refere o CaixaBI.
 
Dividendo mais baixo
 
O CaixaBI estima que a Corticeira Amorim proponha o pagamento de um dividendo de 26 cêntimos por acção, o que somando à remuneração extraordinária de 8 cêntimos por acção que os accionistas já receberam em Dezembro, perfaz um dividendo total de 34 cêntimos por acção. Um valor que se situa abaixo do dividendo total referente ao exercício de 2015 (41 cêntimos por acção).
 
Esta remuneração de 2016 representa um "dividend yield" de 3,5% se for considerado o dividendo total e de 2,7% tendo em conta apenas a estimativa para o que será pago este ano.
 
Referente ao exercício deste ano, o CaixaBI estima que a Corticeira pague me 2018 um dividendo total de 44 cêntimos por acção.
 
As acções sobem 0,32% para 9,65 euros.  
Nota: A notícia não dispensa a consulta da nota de "research" emitida pela casa de investimento, que poderá ser pedida junto da mesma. O Negócios alerta para a possibilidade de existirem conflitos de interesse nalguns bancos de investimento em relação à cotada analisada, como participações no seu capital. Para tomar decisões de investimento deverá consultar a nota de "research" na íntegra e informar-se junto do seu intermediário financeiro. 

Corticeira Amorim terá fechado 2016 com lucros acima dos 100 milhões
20/02/2017 10:36

Uniplaces: Universitários gastam 415 euros por mês em alojamento
20/02/2017 09:51

IMF ? Euro/Zloty respeita intervalo de lateralização
20/02/2017 09:39

Unilever e Kraft afundam após fim da oferta
20/02/2017 08:35

Expedia duplica instalações e Amazon expande actividade no Reino Unido
20/02/2017 00:36

Sondagem: 70% aplaudem integração de precários na Função Pública
20/02/2017 00:05

Jerónimo: Sem PCP, PS nunca adoptaria medidas e avanços conquistados
19/02/2017 23:03

Terrorismo na Suécia? Trump diz que viu na Fox
19/02/2017 22:40

Marques Mendes: Comunicado de Marcelo "matou politicamente Centeno"
19/02/2017 21:02

Marques Mendes: Americanos propõem injectar 1.000 milhões no Novo Banco
19/02/2017 21:02

Ferro Rodrigues considera "absurdo" criar outra comissão sobre a Caixa
19/02/2017 13:33

Pavilhão Carlos Lopes reabre em Lisboa após investimento de oito milhões
18/02/2017 18:52

Starbucks vai abrir 300 estabelecimentos em Itália
18/02/2017 14:16

Governo muda currículo das escolas
18/02/2017 12:55

Imposto sobre combustíveis sem alteração este ano
18/02/2017 11:04

Reviravolta em Wall Street: Feriado de segunda-feira produz novos recordes
17/02/2017 21:43

Chineses da TAP compram 3% do Deutsche Bank
17/02/2017 18:07

Fecho dos mercados: Bolsas mistas e petróleo em queda na última sessão da semana
17/02/2017 17:25

Acções da Unilever e Kraft disparam para máximos históricos
17/02/2017 16:06

Sonae Sierra e Bankinter captam 196,6 milhões para veículo imobiliário
17/02/2017 15:10

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco