Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.
Produto Financeiro Complexo

ETF

Um Exchange Traded Fund (ETF), também conhecido como “Traker”, é um fundo negociado em bolsa que replica a evolução de um índice.

À semelhança dos fundos mútuos, os ETF são estruturas de investimento que agrupam um conjunto de acções, que permitem uma carteira diversificada através de apenas uma ordem de compra. Contudo, ao contrário destes fundos, os ETF podem ser transaccionados em bolsa ou fora do mercado regulamentado de forma semelhante à usada para transaccionar acções.

Existe uma grande diversidade de ETF que se distinguem pelas especificidades dos índices que lhes estão subjacentes. Estes índices podem ser caracterizados por representarem:

  • Conjuntos de acções, obrigações, commodities, entre outros;
  • Empresas segmentadas por mercado/sector/indústria, país/região, dimensão (capital bolsista), melhores níveis de dividendos (Dividend), etc;
  • Tipo de fundos: Value (empresas subavaliadas), Growth (empresas com grande potencial de crescimento), Blend (mistura dos dois tipos de empresas).

Os ETF são especialmente atractivos para dois tipos de investidores:

  • O investidor que procura fazer arbitragens diárias sobre a variação do índice, tal como pode fazer com uma acção mas que seria impossível fazer com um fundo tradicional
  • O investidor que procura tomar uma posição de longo prazo sobre um índice, mantendo custos mais reduzidos

Diversificação

Os ETF são um instrumento conveniente para os investidores que pretedem construir um portfolio com uma alocação de activos diversificada. Existem inúmeros ETF disponíveis para negociação, cobrindo os principais índices de mercado, indústrias, acções, obrigações commodities, entre outros, que permitem alcançar essa diversificação, reduzindo assim, o risco global do investidor.

Facilidade de transacção

Os ETF são transaccionáveis em bolsa de forma rápida e simples, com cotações permanentes que permitem ao investidor obter ganhos através das variações resultantes dos movimentos intra-diários.

Eficiência de custos

Os custos de transacção de ETF são mais baixos do que os dos fundos de investimento tradicionais e mais baixos dos que os resultantes da transação de cada acção individualmente.

Retorno adicional

Representando um cabaz de acções, os ETF permitem ao investidor obter um retorno adicional proveniente da distribuição de dividendos.

Existem alguns riscos inerentes à negociação de ETF que devem ser percebidos e considerados pelo investidor.

Risco de mercado

Os ETF são produtos com risco de capital e podem ser ou não adequados ao perfil de todos os clientes. Os preços dos ETF podem variar positiva e negativamente, sendo que, corre por conta do cliente todo e qualquer risco de perdas financeiras decorrentes das transacções e/ou de flutuações nos preços de mercado.

Risco de contraparte

Em alguns casos, são utilizados instrumentos derivados (p.e. swaps) que visam a replicação de instrumentos subjacentes (trackers). Nestes casos, o cliente fica exposto ao risco de contraparte sobre o emitente destes instrumentos, podendo incorrer num risco de perda total do capital investido.

Riscos operacionais e transacções electrónicas

Grande parte do suporte às transacções electrónicas é efectuado por sistemas informáticos que apoiam, entre outras tarefas, o envio de ordens, a execução, o registo e a liquidação. Como qualquer sistema, são vulneráveis a falhas que podem provocar temporáriamente a inibição de negociação. Para esses casos, existem canais e sistemas alternativos que podem não garantir o desejável nível de disponibilidade. O investidor terá que estar preparado para assumir estes riscos. Os ETF que procuram replicar o desempenho de determinados índices não garantem um desempenho idêntico, podendo verificar-se desvios (tracking errors).

Riscos relacionados com a indexação a índices

Não existem garantias que todos os índices que são replicados por ETF continuem a ser calculados e publicados de acordo com a modalidade descrita no prospecto, ou que o mesmo não seja modificado ou substituído. Nos casos em que a publicação do índice cesse ou seja suspensa, provalvelmente a cotação do ETF também será suspensa.

Riscos de liquidez

As condições de determinados mercados regulamentados onde os ETF são cotados podem variar. Os mercados podem, em determinados momentos, apresentar níveis mais baixos de liquidez (pouco líquidos).

Comissões e outros encargos

Antes de iniciar a negociação, o investidor deve-se informar do montante de comissões, impostos e outros eventuais encargos subjacentes à negociação deste tipo de instrumentos financeiros. O total de encargos tem um impacto negativo na rentabilidade de uma operação.

ADVERTÊNCIAS

Fale Connosco

Perfil BiG

Para permitir que todos os clientes tenham consciência do tipo de produto que estão a analisar ou a subscrever, todas as opções de poupança e investimento estão associadas a uma côr que define o seu grau de risco / complexidade:

4 cores definem 4 níveis de risco/complexidade
Iniciado, nível de risco baixo
Conhecedor, nível de risco médio
Experiente, nível de risco elevado
Especialista, nível de risco especulativo