ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Gonçalo Matias rejeita ?crise de regime ou institucional?
02/03/2024 21:00

"Não creio que estejamos num momento de crise de regime ou de crise institucional. Acho que isso interessa a um discurso mais tremendista – que também não é o que os dados revelam", afirma Gonçalo Saraiva Matias, presidente da Fundação Francisco Manuel dos Santos, quando questionado sobre os vários casos de suspeita de corrupção dos últimos tempos.

Em entrevista ao Negócios e à Antena 1, no programa Conversa Capital, Gonçalo Matias considera, com base nos inquéritos do Eurobarómetro, que "os portugueses revelam-se, em geral, satisfeitos com a sua democracia, ali na média" e que "não há uma vontade geral de mudança de regime, de mudança da Constituição, de mudança das instituições".

"Há um descontentamento pontual com determinados comportamentos e, portanto, isso é preciso, obviamente, ter em conta", afirma Gonçalo Matias, considerando que "não se justifica neste momento um discurso tremendista quanto ao regime ou quanto às instituições".

Rejeita ainda que haja uma judicialização da política. "Eu penso que a justiça tem de cumprir o seu papel e estranho seria que a justiça não desenvolvesse as investigações que tem de desenvolver. Isso é que seria preocupante", diz Gonçalo Matias.

Questionado ainda sobre os protestos dos polícias e o descontentamento demonstrado por militares, o presidente da Fundação Francisco Manuel dos Santos nota que "nós vivemos nos últimos três meses um período muito quente da política portuguesa" mas que daí não devem ser retiradas conclusões de longo prazo. "Acho que a poeira vai acalmar. E entraremos num período, espero eu, de alguma normalidade".

G7 aprova criação de ?mesa de emergência? permanente sobre transporte marítimo
13/04/2024 20:40

Bloco afirma que ?Governo toma Portugal por parvo? quanto à redução do IRS
13/04/2024 19:54

PCP acusa Governo de fraude e de só querer reduzir impostos a grandes empresas
13/04/2024 19:32

Governo pede a portugueses que estejam em Israel para regressarem
13/04/2024 19:18

Futuros donos da Greenvolt querem chegar a um bilião de dólares em ativos
13/04/2024 19:00

Mais de 100 antigos combatentes vão entrar em greve de fome em 24 de abril
13/04/2024 18:00

Índia pede a Irão que garanta segurança de 17 indianos em navio português capturado
13/04/2024 16:52

Governo brasileiro suspende publicidade na rede social X após críticas de Musk
13/04/2024 16:12

Poiares Maduro: Há um grande desafio pela frente e "a UEFA está a enterrar a cabeça na areia"
13/04/2024 15:42

Hugo Soares: Primeiro-ministro ?não mentiu? e foi ?cristalino? sobre alívio fiscal
13/04/2024 14:21

PS pede debate de urgência com ministro das Finanças sobre redução do IRS
13/04/2024 14:14

Governo diz ser ?indesmentível? que corte no IRS leva a menos 1,5 mil milhões face a 2023
13/04/2024 14:05

Décio fez-se empresário em Penha Longa aos 24 anos e já emprega 200 pessoas
13/04/2024 13:45

Portugal pede esclarecimentos a Teerão sobre navio apresado no estreito de Ormuz
13/04/2024 13:13

Forças iranianas assaltam navio com bandeira portuguesa no estreito de Ormuz
13/04/2024 12:21

Web Summit no Brasil é rampa para portugueses em mercado fundamental
13/04/2024 10:10

Portugal precisa de construir 45 mil casas por ano para resolver crise habitacional
13/04/2024 10:08

TAP: Primeiro ano de Luís Rodrigues na liderança marcado por lucro recorde
13/04/2024 09:31

PSP alerta para burlas relacionadas com investimentos nas redes sociais
13/04/2024 09:19

México é o principal produtor de fentanil ilegal mas não tem o suficiente para uso médico
13/04/2024 09:13

Ajuda

Pesquisa de títulos

Fale Connosco