ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Lula da Silva diz que Mercosul e UE podem acabar sem acordo
03-12-2023 17:00

O Presidente brasileiro, Lula da Silva, admitiu este domingo que as negociações para um acordo comercial entre o Mercosul e a União Europeia (UE) podem fracassar e, caso isso aconteça, não será por falta de vontade dos países sul-americanos.

"Se não houver acordo, paciência. Não foi por falta de vontade", disse Lula da Silva, numa conferência de imprensa no Dubai, antes de embarcar para Berlim, onde iniciará uma visita oficial.

"A única coisa que tem que ficar clara é que eles devem parar de dizer que a culpa é do Brasil e da América do Sul", disse.

Segundo o Presidente brasileiro, os responsáveis pelo fracasso do acordo são os países ricos que não querem fazer concessões e querem sempre ganhar mais.

O governante referia-se à França, já que o presidente Emmanuel Macron disse, numa conferência de imprensa no sábado no âmbito da cimeira do clima (COP28), ser contra o acordo, declarações com as quais praticamente fechou as possibilidades de haver luz verde sobre o assunto.

Lula da Silva reiterou à imprensa que a França é um país protecionista que quer que os "milhões" de pequenos produtores que tem possam vender os seus produtos e, por isso, "criou um obstáculo" ao acordo.

"E nós não somos mais colonizados. Somos independentes. E queremos ser tratados com o respeito dos países independentes que têm coisas para vender", afirmou.

Nesse sentido, o Presidente brasileiro referiu que os produtos dos países do Mercosul também têm um preço e o que se busca é "um certo equilíbrio".

"Se não houver acordo, pelo menos ficará claro quem foi o culpado pela falta de acordo", frisou.

Após duas décadas de conversações, em 2019, a UE e o Mercosul chegaram a um acordo político geral para selar o pacto, deixando pendente a resolução de alguns aspetos técnicos.

No entanto, essa discussão foi complicada pelo surgimento de novas exigências de ambos os lados da mesa, em particular as relacionadas com as questões ambientais da União Europeia.

O Mercosul vai realizar a sua cimeira bianual a 06 e 07 de dezembro, no Rio de Janeiro, e esperava anunciar nessa altura a conclusão positiva das negociações com a UE.

IMF ? Índice PCE: Inflação dos EUA subiu em janeiro
04-03-2024 13:30

Sindicato dos trabalhadores contraria CGD e reafirma 70% de adesão "massiva" à greve
04-03-2024 12:55

Bruxelas multa Apple em 1,8 mil milhões de euros. Empresa da maçã vai recorrer
04-03-2024 12:46

Sumol+Compal sobe salário base para 860 euros
04-03-2024 11:53

Juro dos novos depósitos desceu em janeiro. É o primeiro recuo desde setembro de 2022
04-03-2024 11:15

Bitcoin supera os 65 mil dólares. Está a menos de quatro mil do recorde absoluto
04-03-2024 11:12

Savannah já tem "short list" de parceiros para a mina de Boticas e procura financiamento
04-03-2024 11:05

Lidl investe 9,5 milhões de euros em nova loja em Loulé
04-03-2024 10:54

Mário Leite Silva acusa Angola de boicotar os seus requerimentos
04-03-2024 10:47

Brasileira TSBetc escolhe o Porto para instalar a sua primeira base internacional
04-03-2024 10:10

Novo Banco quer vender bens de Luís Filipe Vieira em Portugal
04-03-2024 09:47

Revolut avança com sucursal em Portugal e obtenção de IBAN nacional
04-03-2024 09:36

Empresa quer impulsionar construção de pontes em madeira em Portugal e Espanha
04-03-2024 09:30

Mota-Engil e Galp dão ânimo à bolsa de Lisboa
04-03-2024 08:16

5 coisas que precisa de saber para começar o dia
04-03-2024 07:30

O peso das exportações no PIB, as propostas dos partidos para Segurança Social e as fortunas
04-03-2024 07:01

Marques Mendes: Esta vai ser a semana do tudo ou nada
03-03-2024 21:37

Portugal recebeu 118 mil pessoas em 2023 e "metade tinha nacionalidade portuguesa", sublinha Gonçalo
03-03-2024 19:04

A sua semana dia a dia: Acelera época de contas do PSI e BCE reúne-se
03-03-2024 19:00

OPEP+ vai manter cortes até meados do ano
03-03-2024 14:25

Ajuda

Pesquisa de títulos

Fale Connosco