ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Radio Popular inaugura a 59.ª loja no Porto
30/11/2023 19:28

Num investimento de 3,5 milhões de euros.

A nova loja Radio Popular abre a 1 de dezembro com uma área total de 2.000 m2. Localizada na Fábrica do Cobre Retail Park, junto à Circunvalação, pretende agora ser a maior referência em tecnologia e eletrodomésticos do Porto Oriental.
 
Resultado de um investimento global que rondou 3,5 milhões de euros, o novo espaço Radio Popular é responsável pela criação de 60 novos postos de trabalho. Com uma forte componente em tecnologia e eletrodomésticos, a nova loja oferece ainda serviços inovadores em termos de sustentabilidade, economia circular e eficiência energética.
 
Num ano em que celebra 46 anos, a Radio Popular afirma, assim, na cidade em que nasceu, a sua a vitalidade e a modernidade. Tudo, mostrando-se como um dos players principais no retalho especializado de eletrónica de consumo. 
 
Atualmente com 59 lojas em todo o território nacional, incluindo Madeira e Açores, e com mais de mil trabalhadores, a Radio Popular aposta nas áreas da Informática, Telecomunicações, Som e Imagem, Fotografia, Gaming e Pequenos e Grandes Eletrodomésticos. Das principais bandeiras da empresa fazem parte as entregas grátis ao domicílio, crédito sem juros, serviço Click & Colect, a vasta gama de mais de 50 mil produtos, "sempre aos melhores preços", e a extensão da garantia dos produtos.
 
A Radio Popular, empresa 100 por cento portuguesa, foi fundada em 1977, iniciando a atividade na Rua do Loureiro, uma pequena artéria da cidade do Porto. Em 1998, abriu na Maia o primeiro grande espaço em Portugal dedicado exclusivamente à comercialização de eletrodomésticos. Uma inovação que veio revolucionar o mercado, comprovando o pioneirismo de uma empresa que continua a apostar em Portugal como mercado de referência. Hoje, com 59 lojas físicas e loja online disponível em www.radiopopular.pt, vende para clientes de todo o país.
 

Site da Presidência da República reconhecido pela sua acessibilidade
23/02/2024 17:47

Sobe e desce na semana não impede PSI de fechar em alta. Jerónimo Martins ganha 3%
23/02/2024 16:50

Centeno: BCE deve estar aberto a um corte dos juros em março
23/02/2024 16:15

Preços dos combustíveis aliviam na próxima semana. Gasóleo baixa três cêntimos e gasolina 1,5
23/02/2024 15:38

Negócios vence prémio da Euronext Lisbon
23/02/2024 15:30

EUA anunciam sanções a 500 entidades russas. É o maior pacote desde o início da guerra
23/02/2024 15:10

Volumes de transporte marítimo no Canal do Suez caem 55% numa semana
23/02/2024 14:38

Só 12% dos potenciais ?falsos recibos verdes? foram regularizados. ACT avança com inspeções
23/02/2024 14:25

A era digital e a revolução no posto de trabalho
23/02/2024 14:00

Contas de serviços mínimos bancários crescem 19% para 222 mil
23/02/2024 13:04

CAP vai juntar-se a protesto em Bruxelas em dia de reunião de ministros da Agricultura da UE
23/02/2024 12:50

Engarrafadora da Coca-Cola "bebe" 3.325 milhões de euros em receitas na Península Ibérica
23/02/2024 11:36

Sonangol diz que "há muita pressão" para vender posição no BCP
23/02/2024 11:11

Quebra no investimento penalizou PIB alemão no final de 2023
23/02/2024 10:58

Farfetch fechou escritórios de Braga em setembro
23/02/2024 10:11

Espanha cria observatório para reduzir impacto das alterações climáticas na saúde
23/02/2024 10:03

Advogado do Diabo com Ricardo Rio: "Há uma visão de que tudo se resolve através de políticas fiscais
23/02/2024 10:00

Medina acredita que PIB pode crescer 1,5% em 2024 apesar de previsões pessimistas
23/02/2024 09:34

Limpeza de inscritos no SNS retirou 100 mil das listas
23/02/2024 09:23

Bolsa de Lisboa na linha de água. Corticeira sobe mais de 1% mas Mota-Engil pressiona
23/02/2024 08:15

Ajuda

Pesquisa de títulos

Fale Connosco