ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Quase 70% do acordo de rendimentos cumprido mas reforma parcial não avança, diz Governo
29/11/2023 22:01

O secretário de Estado do Trabalho, Miguel Fontes, disse esta quarta-feira que 67% das medidas do acordo de rendimentos estão concretizadas, ficando por avançar, devido à crise política, a possibilidade das reformas a tempo parcial, entre outras.

Miguel Fontes falava aos jornalistas no final de uma reunião da Concertação Social, em Lisboa, onde fez um balanço do acordo de médio prazo de melhoria dos rendimentos, dos salários e da competitividade, assinado entre o Governo e alguns parceiros sociais em outubro de 2022.

"Tudo o que sejam medidas que ainda não tinham sido vertidas em diplomas legais e que carecem de diplomas legais e não são meras decisões ou execuções de caráter administrativo e que ainda não tinham iniciado o processo legislativo, manifestamente já não há condições [para avançarem]", disse o secretário de Estado.

Entre as medidas que ficam por concretizar devido ao atual contexto político, na sequência da demissão do primeiro-ministro, António Costa, que levou à convocação de eleições antecipadas para 10 de março, estão a possibilidade da reforma a tempo parcial ou a aproximação da tributação dos trabalhadores independentes (recibos verdes) à dos trabalhadores dependentes.

"A reforma a tempo parcial implica a produção de uma proposta de lei ou de um decreto-lei que, não existindo, já não vai ser possível fazer", afirmou Miguel Fontes.

O acordo de rendimentos previa o desenvolvimento de um mecanismo para promover a transição gradual e progressiva da saída do mercado de trabalho, permitindo o acesso à reforma a tempo parcial, em acumulação com rendimento de trabalho, antes da idade legal da reforma.

Miguel Fontes considerou ainda que, com a crise política, o acordo não perde validade porque "a esmagadora maioria das medidas, 67% estão totalmente realizadas" e por isso "não há razão para que ninguém invoque esta situação para se desobrigar" nomeadamente sobre a aplicação do referencial de aumentos salariais de 5% no próximo ano.

Segundo indicou, "nenhum dos parceiros sociais invocou" a crise política para pôr em causa o acordo ou dele se desvincular, mas considerou que há no entanto "algum sentimento de apreensão" sobre o que acontece às matérias que não serão concretizadas.

O secretário de Estado do Trabalho fez ainda um balanço do acordo sobre formação profissional, assinado em 2021, segundo o qual "mais de 70% das medidas estão realizadas ou em curso".

Sindicatos da UGT também convocam greve na Caixa Geral de Depósitos para 1 de março
23/02/2024 18:06

Site da Presidência da República reconhecido pela sua acessibilidade
23/02/2024 17:47

Sobe e desce na semana não impede PSI de fechar em alta. Jerónimo Martins ganha 3%
23/02/2024 16:50

Centeno: BCE deve estar aberto a um corte dos juros em março
23/02/2024 16:15

Preços dos combustíveis aliviam na próxima semana. Gasóleo baixa três cêntimos e gasolina 1,5
23/02/2024 15:38

Negócios vence prémio da Euronext Lisbon
23/02/2024 15:30

EUA anunciam sanções a 500 entidades russas. É o maior pacote desde o início da guerra
23/02/2024 15:10

Volumes de transporte marítimo no Canal do Suez caem 55% numa semana
23/02/2024 14:38

Só 12% dos potenciais ?falsos recibos verdes? foram regularizados. ACT avança com inspeções
23/02/2024 14:25

A era digital e a revolução no posto de trabalho
23/02/2024 14:00

Contas de serviços mínimos bancários crescem 19% para 222 mil
23/02/2024 13:04

CAP vai juntar-se a protesto em Bruxelas em dia de reunião de ministros da Agricultura da UE
23/02/2024 12:50

Engarrafadora da Coca-Cola "bebe" 3.325 milhões de euros em receitas na Península Ibérica
23/02/2024 11:36

Sonangol diz que "há muita pressão" para vender posição no BCP
23/02/2024 11:11

Quebra no investimento penalizou PIB alemão no final de 2023
23/02/2024 10:58

Farfetch fechou escritórios de Braga em setembro
23/02/2024 10:11

Espanha cria observatório para reduzir impacto das alterações climáticas na saúde
23/02/2024 10:03

Advogado do Diabo com Ricardo Rio: "Há uma visão de que tudo se resolve através de políticas fiscais
23/02/2024 10:00

Medina acredita que PIB pode crescer 1,5% em 2024 apesar de previsões pessimistas
23/02/2024 09:34

Limpeza de inscritos no SNS retirou 100 mil das listas
23/02/2024 09:23

Ajuda

Pesquisa de títulos

Fale Connosco