ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Marcelo: "Gerir bem os fundos não é para ter sucesso político imediato para ninguém"
26/05/2023 19:41

Marcelo Rebelo de Sousa afirmou esta sexta-feira que ficou "feliz" com a execução dos fundos comunitários. "Fico feliz quando hoje vi um número. Que chegaram aos beneficiários finais 1.900 milhões de euros, 30% do dinheiro que já recebemos e não os 1.700 milhões, como há uns meses. Fiquei mais feliz", afirmou. 

O Presidente da República, que discursava em Viana do Castelo, durante as comemorações do segundo aniversário do Associação Empresarial do Minho (AEMinho), acrescentou, no entanto, que a aplicação do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) "vai acelerar e deve acelerar" por ser uma "uma oportunidade que pode ser única face à situação de mudança no mundo e da Europa".

"É muito simples. Trata-se, primeiro, de garantir que há a máxima utilização possível desses fundos e as finalidades dos fundos devem ser partilhadas, explicadas e assumidas", sublinhou, dando os exemplos das áreas da transição energética e do hidrogénio verde.

Mas Marcelo Rebelo de Sousa deixou também recados políticos: "Tem de se saber exatamente o que se passa. Porque não só os fundos do Plano de Recuperação e Resiliência, são os fundos do 2030 (...) Gerir bem os fundos não é para ter sucesso político imediato para ninguém, para uns ou para outros. É para o país ter sucesso a médio e logo prazo. Depois se houver efeitos colaterais que beneficiem A,B, C ou D, são efeitos colaterais. Não são efeitos principais".

"Tem de haver visão do que é preciso construir no futuro", concluiu.

G7 aprova criação de ?mesa de emergência? permanente sobre transporte marítimo
13/04/2024 20:40

Bloco afirma que ?Governo toma Portugal por parvo? quanto à redução do IRS
13/04/2024 19:54

PCP acusa Governo de fraude e de só querer reduzir impostos a grandes empresas
13/04/2024 19:32

Governo pede a portugueses que estejam em Israel para regressarem
13/04/2024 19:18

Futuros donos da Greenvolt querem chegar a um bilião de dólares em ativos
13/04/2024 19:00

Mais de 100 antigos combatentes vão entrar em greve de fome em 24 de abril
13/04/2024 18:00

Índia pede a Irão que garanta segurança de 17 indianos em navio português capturado
13/04/2024 16:52

Governo brasileiro suspende publicidade na rede social X após críticas de Musk
13/04/2024 16:12

Poiares Maduro: Há um grande desafio pela frente e "a UEFA está a enterrar a cabeça na areia"
13/04/2024 15:42

Hugo Soares: Primeiro-ministro ?não mentiu? e foi ?cristalino? sobre alívio fiscal
13/04/2024 14:21

PS pede debate de urgência com ministro das Finanças sobre redução do IRS
13/04/2024 14:14

Governo diz ser ?indesmentível? que corte no IRS leva a menos 1,5 mil milhões face a 2023
13/04/2024 14:05

Décio fez-se empresário em Penha Longa aos 24 anos e já emprega 200 pessoas
13/04/2024 13:45

Portugal pede esclarecimentos a Teerão sobre navio apresado no estreito de Ormuz
13/04/2024 13:13

Forças iranianas assaltam navio com bandeira portuguesa no estreito de Ormuz
13/04/2024 12:21

Web Summit no Brasil é rampa para portugueses em mercado fundamental
13/04/2024 10:10

Portugal precisa de construir 45 mil casas por ano para resolver crise habitacional
13/04/2024 10:08

TAP: Primeiro ano de Luís Rodrigues na liderança marcado por lucro recorde
13/04/2024 09:31

PSP alerta para burlas relacionadas com investimentos nas redes sociais
13/04/2024 09:19

México é o principal produtor de fentanil ilegal mas não tem o suficiente para uso médico
13/04/2024 09:13

Ajuda

Pesquisa de títulos

Fale Connosco