Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

A história improvável por trás do teste britânico de 90 minutos à covid-19
11/08/2020 15:11

A empresa, DnaNudge, obteve uma encomenda de 161 milhões de libras para 5.000 máquinas para testar pacientes para o novo coronavírus em centenas de hospitais do sistema nacional de saúde (National Health Service).

Para o fundador Christofer Toumazou, professor no Imperial College London, é o resultado de meses de esforços para adaptar uma máquina do tamanho de uma torradeira, que desenvolveu originalmente para analisar partes-chave do ADN das pessoas, de forma a que os utilizadores pudessem adaptar as suas dietas à hereditariedade.

Agora, o seu minilaboratório portátil será usado para verificar se os pacientes que chegam aos hospitais para cirurgia, tratamento de cancro e outros procedimentos estão com covid-19 – uma mudança inesperada na sua contribuição para a revolução da genética do consumidor.

A sua máquina, a Nudgebox, dá o resultado em 90 minutos no local - sem necessidade de enviar amostras para um laboratório. Ela também consegue identificar gripe e outra doença pulmonar comum como a causada pelo vírus sincicial respiratório.

O governo do Reino Unido também encomendou este mês 450.000 testes rápidos da empresa de testes de ADN Oxford Nanopore Technologies. Os diagnósticos inovadores são os exemplos mais recentes do recurso à ciência britânica para combater a pandemia, juntamente com a vacina contra o coronavírus que está a ser desenvolvida pela Universidade de Oxford e a AstraZeneca Plc.

Assunto sensível

O teste do coronavírus tornou-se um tema sensível no Reino Unido depois de os esforços iniciais para acelerar o diagnóstico terem fracassado. Milhares de testes encomendados na primavera passada revelaram-se defeituosos, impedindo o aumento da deteção previsto pelo primeiro-ministro Boris Johnson. O Reino Unido teve mais de 46.000 mortes, o número mais elevado entre os países europeus.

Algumas das Nudgeboxes encomendadas já foram colocadas em oito hospitais e centros de saúde de Londres, onde médicos e enfermeiras podem usá-las para determinar rapidamente se novos pacientes devem ser isolados. A DnaNudge pode chegar ao público dentro de um ano ou mais, de acordo com Toumazou.

Mais dinheiro

Toumazou foi ao encontro do seu maior investidor, o ex-primeiro-ministro tailandês e magnata dos telemóveis Thaksin Shinawatra, que concordou em investir mais dinheiro no negócio para financiar a transição.

A Nudgebox deixou de analisar o ADN humano para passar à tarefa mais restrita de reconhecer o projeto genético do vírus SARS-CoV-2.

Toumazou, de 59 anos, diz que pouca coisa da sua formação o preparou para os campos da saúde ou da ciência. Filho de uma família de imigrantes gregos cipriotas que tinha restaurantes no Reino Unido, foi inspirado por um tio que era engenheiro.


Embora a sua escola não oferecesse os exames que permitiam o acesso às melhores faculdades do Reino Unido, Toumazou inscreveu-se num programa de engenharia elétrica na então chamada Oxford Polytechnic.

Lá, ele e o seu instrutor John Lidgey começaram a trabalhar num novo tipo de circuito que reduziu drasticamente a quantidade de energia necessária. Enquanto investigador no Imperial College London, tornou-se o mais jovem da instituição a ser promovido a professor, aos 33 anos. Toumazou começou a usar a tecnologia numa variedade de aplicações, incluindo telemóveis e próteses para crianças surdas, e interessou-se na ligação entre tecnologia e genética.

Agora, passa a maior parte dos seus dias nos hospitais do serviço nacional de saúde em Londres e Oxford, a supervisionar o uso das Nudgeboxes para a covid.

Nos hospitais, estão a fazer centenas de testes todos os dias e o seu criador ainda vê margem para aumentar as possíveis aplicações. Os dispositivos podem ser usados para testes rápidos em aeroportos ou empresas quando as pessoas apresentarem sintomas, por exemplo, ou para verificar rapidamente os voluntários para testes de vacinas.

E também há a possibilidade de voltar à missão original da DnaNudge - ajudar as pessoas a combinar os alimentos com a sua predisposição genética - para evitar diabetes, doenças renais e outras condições que podem torná-las mais vulneráveis à covid.


"O meu sonho é levar testes como este ao consumidor", disse Toumazou. "Um teste que possa desmistificar e simplificar isso rapidamente - em vez de deixar as pessoas com dúvidas - será muito útil."

Benfica oficializa saída de Carlos Vinícius para o Tottenham: conheça os valores da operação
02/10/2020 00:29

Maiores bancos privados do Brasil aderem a coligação contra mudanças climáticas
01/10/2020 23:25

Liga Europa: Benfica e Sporting de Braga cabeças de série no sorteio da fase de grupos
01/10/2020 23:16

Marcelo acredita que "bom senso vai prevalecer" na votação do OE 2021
01/10/2020 22:35

Circulação na linha azul do Metro de Lisboa restabelecida às 23:00
01/10/2020 22:34

Tecnológicas dão gás a Wall Street
01/10/2020 21:22

Covid-19: Plano de saúde Outono-Inverno "fica aquém das necessidades", diz CNS
01/10/2020 20:41

Presidente da Altice diz que vai avaliar concurso para instalação de cabos submarinos
01/10/2020 20:35

Marcelo pede convergência e o diálogo para superar crise económica
01/10/2020 20:13

Governo aceita proibir provisoriamente fim dos contratos coletivos
01/10/2020 20:01

Obrigatório
01/10/2020 19:25

REN: Consumo de eletricidade com queda acumulada de 3,5% desde o início do ano
01/10/2020 19:21

CP denunciou contrato com Servirail para comboios internacionais
01/10/2020 18:56

5G: "Respeitamos o direito de Portugal tomar as suas próprias decisões", diz subsecretário dos EUA
01/10/2020 18:51

Bolsa de Tóquio não negociou hoje devido a falha no hardware. Nunca tinha acontecido
01/10/2020 18:42

Marcelo defende que Europa deve ser uma potência política para garantir equilíbrio
01/10/2020 18:06

Comércio propõe redução de IRC para empresas que não despeçam
01/10/2020 18:00

Rita Marques: Norte merecia "há muito tempo uma só voz" para o turismo
01/10/2020 17:55

TAP: Prioridade continua a ser recuperar empresa após saída de administradores
01/10/2020 17:42

FC Porto defronta Manchester City, Olympiacos e Marselha na Liga dos Campeões
01/10/2020 17:22

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco