ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Cleanwatts anuncia acordo para produzir energia verde em São Tomé e Príncipe
26/09/2022 21:09

A empresa Cleanwatts anunciou esta segunda-feira um acordo para a produção de energia verde em São Tomé e Príncipe, cujo processo deverá iniciar-se jé em outubro e promete "revolucionar a realidade energética do país", segundo a empresa.

"A Cleanwatts assinou um contrato com o Governo de São Tomé e Príncipe, através da empresa pública EMAE [Empresa de Água e Eletricidade], para a produção e venda de energia limpa e a preço acessível", lê-se num comunicado enviado à Lusa.

Na nota aponta-se que "a instalação está quase concluída, devendo começar a produzir ainda em outubro, sendo que a energia produzida será injetada diretamente na rede elétrica das ilhas".

Este projeto, acrescenta-se, "vai revolucionar a realidade energética do país, que se vê a braços com frequentes quebras de energia, algumas que se prolongam por dias e fazem desesperar a população".

A fase um do projeto arrancou com centrais fotovoltaicas no aeroporto e em Príncipe, tendo uma estimativa de produção de mais de 1700 MWh (megawatts/hora) por ano, em conjunto.

"Este projeto trará várias vantagens ao país: maior independência na produção de energia elétrica, comprometimento com as energias limpas e com a redução da pegada ecológica de São Tomé e Príncipe, combate à pobreza energética, criação de postos de trabalho (mão-de-obra local para a construção, exploração e manutenção das infraestruturas)", lê-se no comunicado.

"Os painéis e demais equipamentos já se encontram no porto de Ana Chaves em São Tomé, após muito tempo de atrasos e incertezas devido a escassez de transporte marítimo, a Ilha do Príncipe terá a sua primeira pequena instalação fotovoltaica para testar o sistema híbrido", disse o ministro das Infraestruturas e Recursos Naturais de São Tomé e Príncipe, Osvaldo Abreu, citado no comunicado.

Para o presidente da Cleanwatts, José Basílio Simões (na foto), também citado na nota, o projeto vai ser muito benéfico para a população: "O que nos propomos a fazer, em São Tomé e Príncipe, é justamente reduzir a dependência energética, através da produção local de energia limpa e mais acessível, e contribuindo, assim, para reduzir a pegada ecológica do país e combater a pobreza energética - que são alguns dos objetivos principais do nosso trabalho".

A Cleanwatts fez uma parceria local com a Pleno Ambiente STP para a instalação, exploração e manutenção do parque de estações solares fotovoltaicas, conclui-se na declaração.

Biden promete visitar Angola e destaca importância da parceria entre os dois países
30/11/2023 23:16

Tesla entrega primeiros Cybertrucks. Preços começam nos 60.990 dólares
30/11/2023 22:41

"Rally" empurra Dow Jones para máximos do ano. S&P e Nasdaq têm melhor mês desde julho
30/11/2023 21:27

Quatro CEO e uma banqueira à volta da IA: ?Não é com 100 milhões [do Estado], que à escala europeia
30/11/2023 20:43

Pinto da Costa pede a futuro PM que "ponha a comunicação social em sentido"
30/11/2023 20:03

Governo confirma aumentos de pensões até 6% em janeiro
30/11/2023 19:58

Coliseu Micaelense homenageia José Pracana
30/11/2023 19:42

Radio Popular inaugura a 59.ª loja no Porto
30/11/2023 19:28

Angola rejeita cortar quotas e entra em rota de colisão com OPEP+
30/11/2023 19:18

Metro de Lisboa lança concurso de 138 milhões para comprar 72 carruagens
30/11/2023 18:34

REN paga dividendo de 0,064 euros a 27 dezembro
30/11/2023 18:32

Receitas do turismo já estão 37% acima de 2019, o melhor ano de sempre do setor
30/11/2023 17:39

Sonae e Bankinter já estão a meias na Universo para liderar crédito ao consumo em Portugal
30/11/2023 17:37

Mundo bate vários recordes climáticos e atinge 1,4 °C de aquecimento em 2023
30/11/2023 17:03

Excedente encolhe em outubro, mas fica acima de 6 mil milhões de euros
30/11/2023 16:33

OPEP+ vai retirar mais petróleo do mercado
30/11/2023 15:33

"Continua a haver câmaras municipais de portas fechadas" às renováveis, dizem empresas
30/11/2023 15:02

Angola vai emitir as primeiras obrigações verdes em 2024
30/11/2023 14:37

Sandra Maximiano: ser independente "não exclui diálogo" com "stakeholders"
30/11/2023 14:07

Sandra Maximiano desconfia de estudos sobre preços das telecomunicações
30/11/2023 13:43

Pesquisa de títulos

Fale Connosco