Este website utiliza cookies (identificadores de sessão) para ter uma melhor experiência de navegação, utilização e para personalizar o conteúdo e anúncios disponibilizados. Clique aqui para obter mais informação sobre a utilização dos cookies e alterar os parâmetros de gestão de cookies.

Cookies Essenciais

  • Essenciais

  • Analíticos

  • Funcionalidade

  • Remarketing

Cookies Essenciais

São necessárias para otimizar a navegação e aceder a certas áreas e funcionalidades do website (acesso a áreas seguras do website através de um início de sessão). Estes Cookies estão sempre ativados.

Estes Cookies estão sempre Activos

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Exportações das empresas do metal sobem 40,5% em junho
09-08-2022 19:36

As empresas do setor do metal obtiveram em junho o melhor resultado de sempre, pelo segundo mês consecutivo: exportaram 2.150 milhões de euros, mais 40,5% que no mesmo mês de 2021.

De acordo com a Associação dos Industriais Metalúrgicos, Metalomecânicos e Afins de Portugal (AIMMAP), o valor representa "o melhor resultado mensal de sempre ultrapassando ligeiramente a cifra registada em maio passado, e colocando o resultado acumulado do primeiro semestre nos 11.518 milhões de euros, o que representa um crescimento de 13,8% face ao período homólogo de 2021".

As vendas para a União Europeia cresceram 17,4%, com a Suécia e os Países Baixos a liderarem, com mais 34,6% e 31,7%, respetivamente. Entre os principais mercados do setor - Espanha, França e Alemanha – foi para a Alemanha que as exportações mais subiram, 27%.

Fora da Europa, a AIMMAP destaca o salto acentuado de 79% para os Estados Unidos, país onde as empresas do metal "estão a investir de uma maneira mais premente".

"Este resultado deve-se, mais uma vez, à resiliência das nossas empresas que enfrentam, há mais de um ano, um contexto muito adverso com a escalada dos custos de energia com particular intensidade a partir do mês de junho deste ano e que ameaça comprometer a evolução das exportações nos próximos meses", disse o vice-presidente executivo da AIMMAP, Rafael Campos Pereira, em comunicado.

Rafael Campos Pereira acrescentou ainda que o mecanismo de compensação dos custos de energia não é suficiente, por si só, para que as empresas possam acomodar os aumentos que se têm sentido. "Por causa deste aumento galopante dos custos de energia é provável que algumas boas empresas com consumos de energia mais elevados possam entrar numa situação muito difícil durante este segundo semestre de 2022", alertou.

87% dos apoios às empresas são sustentados com verbas dos fundos europeus
27-09-2022 08:51

PSI recupera perto de pleno de ganhos
27-09-2022 08:21

Lucros das empresas industriais da China caem 2,1% entre janeiro e agosto
27-09-2022 08:02

Fruta europeia - portuguesa incluída - está "altamente contaminada" com pesticidas
27-09-2022 07:56

5 coisas que precisa de saber para começar o dia
27-09-2022 07:30

O aeroporto em Santarém, a corrupção nas "commodities" e o salário mínimo
27-09-2022 07:01

Lojas pedem regulação de rendas nos shoppings
26-09-2022 22:10

Comissário da Economia insta novo governo italiano a cumprir acordo de Draghi
26-09-2022 21:53

BCE estuda possibilidade de incorporar blockchain nos seus serviços
26-09-2022 21:25

Wall Street "vive West Side Story" e fecha no vermelho. "Yield" da dívida perto dos 4%
26-09-2022 21:21

Cleanwatts anuncia acordo para produzir energia verde em São Tomé e Príncipe
26-09-2022 21:09

Fuga de gás detetada em gasoduto que liga Federação Russa à Europa
26-09-2022 20:50

Providência contra extinção da Fundação Berardo enviada para o Supremo Tribunal Administrativo
26-09-2022 20:03

Angola reduz taxa de juro de referência em 0,5 pontos, para 19,5%
26-09-2022 19:43

Receita fiscal empurra excedente para 2.303 milhões até agosto
26-09-2022 19:37

Apple vai fabricar iPhone 14 na Índia
26-09-2022 18:53

Governo garante pelo menos 125 euros a pensionistas. Apoios começam a ser pagos a 20 de outubro
26-09-2022 18:25

CGD vai continuar com uma posição de capital acima da média da Europa, garante Paulo Macedo
26-09-2022 18:13

Setor do turismo "está a pagar melhor", diz secretária de Estado
26-09-2022 17:55

Rita Marques: Receitas turísticas devem ficar 4 a 5% acima de 2019
26-09-2022 17:22

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco