Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

5G: Governo recorda que licitantes ficam sujeitos a obrigações de cobertura
27/10/2021 21:46



Em comunicado, a tutela "congratula-se com a notícia avançada pela Anacom [Autoridade Nacional de Comunicações] de que terminou hoje a fase de licitação principal do "Leilão 5G e outras faixas relevantes" após 1.727 rondas e ao fim de 200 dias, o que permite concluir as fases de licitação com o apuramento do montante total de 566,802 milhões de euros".

O MIH diz depois que "será agora necessário que a Anacom conclua o processo, nos termos do regulamento, o qual culminará com a atribuição dos direitos de utilização aos licitantes".

Depois disso, sublinha, "os respetivos titulares ficarão sujeitos ao cumprimento das obrigações estabelecidas no regulamento do leilão, designadamente obrigações de cobertura".

O Governo recorda que "os adquirentes que sejam titulares de direitos de utilização em faixas destinadas a comunicações eletrónicas ficam obrigados a uma cobertura de 95% da população total do país e a uma cobertura de 90% da população de cada uma das freguesias consideradas de baixa densidade, de cada uma das freguesias das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores e de cada uma das freguesias que integram municípios com freguesias de baixa densidade".

As metas em causa "foram definidas até 2025, com metas intermédias até ao final de 2023 e 2024", lê-se na mesma nota.

A licitação principal do leilão do 5G terminou hoje, mais de nove meses depois de ter arrancado, após 1.727 rondas, no "montante total atingido" de 566,802 milhões de euros, anunciou a Anacom.

"Terminou hoje a fase de licitação principal do Leilão 5G e outras faixas relevantes após 1.727 rondas e, consequentemente, concluiu-se a fase de licitação do leilão, tendo sido apurados os resultados constantes da tabela abaixo, incluindo os da fase de licitação para novos entrantes (44 rondas)", refere a Anacom na sua página.

"O montante total atingido ascende a 566,802 milhões de euros", refere o regulador.

"O leilão prossegue nos termos do respetivo regulamento, com as fases de consignação e atribuição dos direitos de utilização, processo que inclui a audiência prévia dos candidatos e licitantes e decisão final do Conselho de Administração da Anacom", é ainda referido.

De acordo com os dados, a NOS investiu mais de 165 milhões de euros, seguida da Vodafone Portugal, com 133,2 milhões de euros.

A Meo (Altice Portugal) investiu mais de 125 milhões de euros, de acordo com os dados do regulador, seguida da Nowo (Masmóvil), com cerca de 70,1 milhões de euros, da Dixarobil, com 67,3 milhões de euros, e da Dense Air (5,7 milhões de euros).

 

Confirmados 34 casos da ómicron em Portugal. País já atingiu 50% do valor crítico de camas ocupadas
03/12/2021 22:13

"Vamos ver se salvamos a Páscoa de 2022", diz secretária de Estado do Turismo
03/12/2021 22:08

EUA: Joe Biden assina decreto que evita encerramento do Governo federal
03/12/2021 22:04

Francisca Van Dunen escolhida para substituir Eduardo Cabrita na Administração Interna
03/12/2021 21:42

Menos contratações do que o esperado dão cartão vermelho a Wall Street
03/12/2021 21:07

Covid-19: Testes gratuitos em 216 concelhos e ministério aumenta comparticipação
03/12/2021 20:37

Eduardo Cabrita, um ministro marcado por sucessivas polémicas
03/12/2021 19:03

Costa aceita demissão de Cabrita. "Quero agradecer estes seis anos"
03/12/2021 18:53

Impasse na decisão sobre a mensalidade para a CPAS. Direção quer aumento para 258 euros
03/12/2021 18:38

Fitch mantém "rating" da Brisa Concessão Rodoviária
03/12/2021 18:06

Eduardo Cabrita demite-se
03/12/2021 17:52

Prepare-se para atestar: Preços da gasolina caem na próxima semana
03/12/2021 17:10

EBA alerta para riscos na banca com escalada dos preços das casas
03/12/2021 17:00

Novo nome não segura Facebook. Ações da Meta caíram 20% desde setembro
03/12/2021 16:53

Lisboa com menor queda entre as praças europeias. Greenvolt dispara 5,3%
03/12/2021 16:41

Portugal tem mais 2.535 casos de covid-19. Há 21 mortes, máximo desde março
03/12/2021 16:01

Greenvolt compromete-se com gestão empresarial "sustentável e responsável"
03/12/2021 15:07

Fnac abre primeira loja de marca sustentável em Portugal
03/12/2021 14:55

Eduardo Cabrita diz sobre acidente mortal que "esclarecimento dos factos tem de ser feito"
03/12/2021 14:12

Inflação na Turquia acelera 21,3% em novembro devido à desvalorização da lira
03/12/2021 13:27

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco