Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Estado chinês "estará pronto para lidar" com Evergrande, diz João Moreira Rato
22/09/2021 22:16

O economista João Moreira Rato disse hoje à Lusa acreditar que o Estado chinês "estará pronto para lidar com o problema" da Evergrande, rejeitando ainda "grandes razões para alarmismos" relativos ao grupo imobiliário.

"Acho que isto tem a ver com medidas que o Estado chinês tomou no verão, que visavam, de alguma forma, regulamentar o grau de alavancagem destas empresas imobiliárias, de alguma forma para proteger o retalho chinês e a população em geral destas tendências especulativas", começou por explicar à Lusa.

Posteriormente, o também professor universitário considerou que "essas limitações é que tiveram impacto na Evergrande", e que "o Estado chinês estará pronto para lidar com o problema". "Tem capacidade suficiente para lidar com o problema internamente", disse.

"Claramente, o Estado chinês está a tentar lidar com alguns problemas que estavam a aparecer  e que afetavam a população como um todo, e que estavam a aparecer com o grau de crescimento económico muito elevado que têm tido", explanou.

João Moreira Rato também disse que "o mercado imobiliário, com os seus níveis de alavancagem, e com o historial de crises que aí originaram, inclusive a crise de 2008, tende a que em geral, na comunicação social, possa surgir algum alarmismo". "Mas eu diria que não há grandes razões para alarmismos", reforçou.

Quanto à exposição dos mercados financeiros ocidentais à Evergrande, o antigo presidente da Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública - IGCP disse que "acontece através de fundos de investimento que provavelmente têm alguns investimentos na China e que vão perder algum dinheiro nesses investimentos".

No entanto, João Moreira Rato disse também que "são perdas que, no meio da valorização dos ativos que tem acontecido este ano, passam facilmente despercebidas".

"Quem tem fundos expostos ao Nasdaq está a ganhar 15%, ao S&P 19% ou 17%, pode facilmente acomodar estar a perder, mais ou menos em casa, nos fundos de mercados emergentes - Ásia - a que estão expostos", referiu. "Não vejo daí advir um grande problema para os mercados financeiros ocidentais", concluiu.

Os investidores mostraram na terça-feira menor receio em relação a um impacto global da crise na imobiliária chinesa Evergrande, dado que o risco de contágio financeiro parece limitado.

O promotor imobiliário chinês tem uma dívida estimada em cerca de 300 mil milhões de dólares (256 mil milhões de euros) e está com dificuldade em honrar os seus compromissos, o que faz recear a sua bancarrota.

Confiança das empresas volta a níveis pré-pandemia, famílias estão mais pessimistas
28/10/2021 09:56

Espanha regista a maior inflação em três décadas
28/10/2021 09:39

Pedro Reis defende que "a sociedade é mais ambiciosa do que o ecossistema político"
28/10/2021 09:30

Pesos pesados em queda atiram PSI-20 para terreno negativo
28/10/2021 08:21

Cloud híbrida: uma opção que ganha força
28/10/2021 08:03

5 coisas que precisa de saber para começar o dia
28/10/2021 07:30

Lucros da Samsung sobem 31,3% no terceiro trimestre e atingem 9.000 ME
28/10/2021 07:19

O poder de Marcelo, o alarme na banca e um "auf wiedersehen"
28/10/2021 07:01

Rangel desdramatiza audiência com Marcelo, recusa bloco central e prefere PSD sozinho a eleições
28/10/2021 01:07

Regulador aprova quatro listas candidatas à Associação Mutualista Montepio
27/10/2021 23:26

Wall Street faz pausa nos recordes em vésperas de contas da Apple e Amazon
27/10/2021 21:59

5G: Governo recorda que licitantes ficam sujeitos a obrigações de cobertura
27/10/2021 21:46

EDP termina parceria com a petrolífera argelina Sonatrach
27/10/2021 19:10

Marcelo recebe hoje Ferro e Costa. Partidos políticos serão ouvidos no sábado
27/10/2021 19:06

Costa garante estar "de consciência tranquila e cabeça erguida" com chumbo do OE 2022
27/10/2021 18:57

NOS vence leilão 5G com investimento de 165 milhões e mais espectro adquirido
27/10/2021 18:43

Leilão 5G chega ao fim após 200 dias
27/10/2021 17:55

Lucros da Jerónimo Martins crescem 48% para 324 milhões até setembro
27/10/2021 17:29

Lucros do BCP caem para 59,5 milhões de euros até setembro
27/10/2021 17:01

Quedas da Galp e do BCP arrastam PSI-20
27/10/2021 16:45

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco