Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Acesso a vacinas cria rutura na recuperação económica
27/07/2021 21:42

“O acesso às vacinas tornou-se a principal linha de rutura que divide a recuperação mundial em dois blocos”, constata o Fundo Monetário Internacional (FMI) no relatório de previsões económicas divulgado esta terça-feira.

De um lado estão a maior parte das economias que têm acesso a vacinas e que “podem esperar uma normalização da atividade este ano”. Do outro, os países com pouco ou nenhum acesso às mesmas, os quais “permanecerão confrontados com um ressurgimento de infeções e aumento de mortes associadas à covid-19”, assinala o organismo liderado por Kristalina Georgieva.

Este quadro manifesta-se no comportamento assimétrico das economias. Assim, enquanto as economias mais desenvolvidas devem registar este ano um crescimento de 5,6% (mais 0,5 pontos do que o previsto em abril), as perspetivas de crescimento dos países emergentes são revistas em baixa, situando-se agora em 6,3% (menos 0,4 pontos).

“Direi que estamos mais preocupados do que estávamos em abril”, afirmou Petra Koeva Brooks, diretora-adjunta do FMI, à agência AFP.

Esta apreensão é justificada pelos números do combate à pandemia. Deste modo, enquanto perto de 40% da população das economias avançadas já está completamente vacinada, nas economias emergentes apenas 11% se encontram nessa situação. E menos ainda nas economias menos desenvolvidas.

Para dar volta a esta situação, o FMI propôs recentemente um plano de 50 mil milhões de dólares para vacinar 40% da população mundial até final do ano.

Baixos salários deixam 3 milhões de trabalhadores sem aquecimento na Europa. Portugal é o 4.º pior p
23/09/2021 00:16

Marcelo espera que Biden contribua com ações para o multilateralismo
23/09/2021 00:09

Construtora francesa de submarinos vai enviar "fatura" à Austrália
23/09/2021 00:06

Estabelecimentos na zona lisboeta de Santos vão encerrar três horas mais cedo
22/09/2021 23:24

Estado chinês "estará pronto para lidar" com Evergrande, diz João Moreira Rato
22/09/2021 22:16

Fed mantém política acomodatícia por agora. E Wall Street aplaude
22/09/2021 21:30

Fed mantém juros e sinaliza retirada de estímulos "em breve"
22/09/2021 19:07

Antigo deputado do PSD e ex-líder do Turismo do Porto preso por corrupção dedica-se ao desporto
22/09/2021 18:59

Covid-19: UE e EUA estabelecem objetivo de taxa global de vacinação de 70% até 2022
22/09/2021 18:52

Credores da Groundforce rejeitam liquidação. Empresa avança para plano de recuperação
22/09/2021 17:17

PSI-20 vive melhor sessão em 6 meses com BCP e Galp a subirem mais de 5%
22/09/2021 16:41

Santiago do Cacém no mapa de investimento espanhol de 850 milhões de euros em energia solar
22/09/2021 16:33

Trabalhadores dos impostos anunciam greve de 1 a 5 de dezembro
22/09/2021 16:21

Portugal dá mais tempo a Cabo Verde para pagar juros de empréstimos
22/09/2021 15:44

in-Store Media investe 15 milhões para crescer incluindo em Portugal
22/09/2021 15:22

Portugal regista mais 891 casos de covid-19 e 8 mortes nas últimas 24 horas
22/09/2021 15:06

Bruxelas cria mecanismo para atuar na recuperação e resolução das seguradoras na UE
22/09/2021 14:57

Dados da fintech do grupo Alibaba vão ser integrados no banco central chinês
22/09/2021 14:43

Bruxelas "acompanha de perto" subida dos preços da energia
22/09/2021 14:33

?Token? da seleção nacional chega à app da Socios.com
22/09/2021 14:19

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco