Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Primeiro banco de criptomoedas do mundo foi aprovado nos EUA. E tem dedo português
14/01/2021 12:26

A agência que regula a atividade bancária e das instituições financeiras nos Estados Unidos, a OCC ("Office of the Comptroller of the Currency"), deu "luz verde" à Anchorage Trust Company para se tornar o primeiro banco de criptomoedas em todo o mundo, de acordo com o comunicado divulgado.

Por trás da criação desta "stratup", que se assume como "a porta de entrada institucional para as criptomoedas", está um português. Diogo Mónica, de 33 anos, doutorado em ciência computacional pelo Instituto Superior Técnico, em Lisboa, foi um dos fundadores da Anchorage, em 2018. 

Em 2020, a revista de negócios norte-americana Fortune nomeou-o como um dos melhores talentos com menos de 40 anos a nível mundial, devido, precisamente, à Anchorage. Depois de uma passagem por empresas como a Square ou a Docker, enquanto designer de segurança, decidiu fundar uma startup dedicada às criptomoedas.  

O agora banco norte-americano conta com o apoio da Visa, bem como de vários fundos de investimento como o Andresseen Horowitz, o Blockchain Capital, o Paradigm e o BlockTower.

A Fortune antecipava já que este ano poderia ser "brilhante" para Diogo Mónica e a sua empresa, dada a crescente procura e entusiasmo em torno das criptomoedas. "Como a criptomoeda ressurgiu em 2020, Diogo Mónica é um nome que se ouve com frequência", pode ler-se na revista norte-americana. 

"[Diogo] Mónica está preparado para um 2021 brilhante graças às novas regras federais que permitem que os bancos mantenham ativos como Bitcoin - regras que poderiam trazer um aumento de negócios para Anchorage", acrescenta. 

Agora, a OCC confirma que a Anchorage cumpre "o
s requisitos de capital e liquidez e as expectativas de gestão de risco".

Propostas ascendem a 208 milhões no décimo dia de licitação do leilão do 5G
27/01/2021 19:43

PSD e CDS vão assinar acordo-quadro que exclui Chega de coligações para autárquicas
27/01/2021 19:36

As vacinas e o papel da política
27/01/2021 19:25

Powell mantém ritmo de compra de ativos com crescimento económico a abrandar
27/01/2021 19:07

Sete dias com mais mortes de sempre em Portugal foram na última semana. Um terço dos óbitos foi por
27/01/2021 19:00

Madeira disponível para receber doentes com covid-19 do continente
27/01/2021 18:35

Noruega fecha fronteiras a partir das 00:00 desta sexta-feira
27/01/2021 18:22

Sindicatos e Ordem exigem vacinação de todos os médicos
27/01/2021 18:06

BE quer mais apoios sociais e reforço do SNS, antecipando que situação se prolongue
27/01/2021 17:54

Governo nega proibição do direito à greve dos trabalhadores da TAP
27/01/2021 17:51

Fundo Ambiental com receitas de 570 milhões em 2020
27/01/2021 17:16

?O Governo cumpre e cumprirá a lei? na venda das barragens da EDP à Engie
27/01/2021 17:15

PCP quer acelerar a vacinação em Portugal
27/01/2021 17:07

Rio antecipa que novo estado de emergência contempla "e bem ensino virtual"
27/01/2021 16:56

PSI-20 cai mais de 2% para mínimos de dezembro. EDPR afunda e BCP no maior ciclo de quedas em ano e
27/01/2021 16:43

Governo suspende ligações aéreas com o Brasil a partir de sexta-feira
27/01/2021 16:31

Défice de 2020 vai ficar abaixo do previsto: ronda os 6,3% do PIB
27/01/2021 16:26

"É um pouco triste termos de pedir auxílio estrangeiro", diz o presidente da Associação Portuguesa d
27/01/2021 16:16

Norte tem 24 concelhos com uma taxa de incidência de covid superior a 1.800 por 100 mil habitantes
27/01/2021 16:08

Costa espera "sucesso tão rápido quanto possível" em negociações com AstraZeneca
27/01/2021 15:52

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco