Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Preços das casas na UE disparam mais de 25% em dez anos
14/01/2021 11:25

Entre 2010 e o terceiro trimestre de 2020, os preços das casas na União Europeia dispararam 26,8%, e foram acompanhados de uma subida de 14,6% das rendas.

Apesar de a tendência ser igualmente positiva tanto no preço das rendas como no das casas, o balanço final é fruto de percursos consideravelmente diferentes. O caminho foi gradual para as rendas – subiram sempre de forma consistente. Já no que diz respeito às casas, os preços "flutuaram significativamente", sobretudo do terceiro trimestre de 2011 em diante.

Estas observações são do Eurostat, que publicou o boletim "Preços das Casas e Rendas na União Europeia" esta quinta-feira, 14 de dezembro.

Os preços das casas sofreram "um forte declínio" entre o segundo trimestre de 2011 e o primeiro de 2013, para depois, até 2014, se notar alguma estabilidade. A partir do início de 2015, assistiu-se  um "aumento rápido", e desde este ponto os preços das casas "subiram a um passo muito mais acelerado que os das rendas", continua o gabinete estatístico europeu.

Olhando aos estados membros e à evolução entre 2010 e 2020, 16 deles viram os preços das casas a subir acima dos das rendas, e a habitação ficou apenas mais barata em quatro casos: Grécia (-31%), Iália (-15,5%), Chipre (-7,7%) e Espanha (-4,5%). Já a Estónia distinguiu-se no sentido oposto, com os preços a dispararem 105%, semelhante aos 92,2% de salto da Hungria e aos 90,5% no Luxemburgo.

No que toca às rendas, 25 estados membros notaram subidas entre 2010 e 2020 e apenas dois desceram, sendo eles a Grécia (-25,2%) e Chipre (-4,5%). Já a Estónia voltou a destacar-se nos avanços, ao somar 136,6% ao preço das rendas, seguida da Lituânia (106,9%) e, mais longe, a Irlanda, onde as rendas aumentaram 62,2%.

Políticos podem integrar grupo prioritário na vacinação contra a covid-19
22/01/2021 09:17

PSI-20 cai pelo terceiro dia com BCP e Galp a penalizar
22/01/2021 08:16

Eurosondagem: Marcelo ganha à 1.ª volta e Ana Gomes em segundo
22/01/2021 07:37

A abstenção indesejada, o novo cargo de Horta Osório, o seu Weekend e muito mais
22/01/2021 07:00

Covid-19: Governo prepara fundo de apoio extraordinário para o desporto
22/01/2021 01:21

Transportes rodoviários reduzidos na AMLisboa durante o encerramento das escolas
22/01/2021 00:51

Congressista republicana apresenta pedido de impeachment de Joe Biden
21/01/2021 23:52

Costa: Sem imprevistos Portugal terá 70% dos adultos vacinados no fim do verão
21/01/2021 23:05

Produção de eletricidade da EDP cai 4% em 2020. Consumo em Portugal desce 5%
21/01/2021 22:48

Quem for vacinado deve ter documento que o comprove
21/01/2021 22:10

Bastonário alerta que já há hospitais a fazer medicina de catástrofe
21/01/2021 21:48

Ministro esclarece que ensino particular também suspende aulas
21/01/2021 21:33

Wall Street renova máximos com foco em resultados
21/01/2021 21:21

Supremo nega recurso a João Rendeiro e confirma pena de prisão efetiva
21/01/2021 20:57

Suspensão de aulas compensada no Carnaval, Páscoa e verão. Ministro admite aulas à distância após 5
21/01/2021 20:49

5G: Propostas sobem mais de 1,9 milhões para 196 milhões de euros no 6.º dia de licitação
21/01/2021 20:31

Emergência nacional
21/01/2021 20:14

Enfermeiros denunciam casos de vacinações sem indicação
21/01/2021 20:05

Governo agrava multas para quem incumprir regras covid mais que uma vez
21/01/2021 19:29

Rui Rio: Situação "não é muito diferente de guerra" e "é preciso dar um abanão para ver se governo e
21/01/2021 19:16

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco