Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Mais de 160 mil casas vendidas em Portugal em 2020
23/11/2020 14:29

Apesar de mais severa do que a que foi vivida em março e abril, aparentemente a pandemia não está a abrandar a procura imobiliária.

 

"E, se o comportamento atual se mantiver até ao fim do ano, o mercado imobiliário poderá contar com cerca de 40 mil transações no último trimestre de 2020, o que se revelará como contracíclico face ao desempenho macroeconómico nacional e em linha com os resultados obtidos há apenas um ano", observa a consultora Imovendo no seu último relatório, a que o Negócios teve acesso.

 

Assim, conclui, após dois anos consecutivos em tornos das 180 mil transações residenciais, o ano de 2020, "apesar de toda a volatilidade que o caracterizou, e apesar de todas as incertezas que assombram a real capacidade da economia nacional recuperar em 2021, deverá assegurar um mínimo de 160 mil e um máximo de 172.500 negócios imobiliários", antecipa a Imovendo.

 

Um desempenho que, a concretizar-se, "deverá ser considerado como positivo, pois revela uma enorme capacidade de recuperação face a um segundo trimestre em que a contração foi superior a 21,5%", realça a mesma fonte.

 

Para a consultora liderada por Manuel Braga, esta resiliência é percetível à luz de dois fatores distintos, que impactam interesses praticamente antagónicos

 

Por um lado, considera, "os sinais de arrefecimento do mercado imobiliário são cada vez mais e com origem em cada vez mais entidades, pelo que do lado da oferta existe a perceção de que as atuais condições de mercado poder-se-ão não manter por muito mais tempo, e tal explica que, mesmo em estado de emergência, o fluxo de novas ofertas no mercado tenha sido constante".

 

Por outro, acrescenta a Imovendo, "quem quer comprar casa tem a expectativa de que os cenários mais negros não se verifiquem, mas não deixa de querer antecipar uma eventual deterioração da sua capacidade aquisitiva e da sua elegibilidade em termos de crédito à habitação".

 

Depois de um primeiro semestre marcado por um confinamento rigoroso ao longo de seis semanas, tendo o número de transações imobiliárias caído de 43.532 nos primeiros três meses para 33.398 entre abril e junho, "o terceiro trimestre do ano evidenciou diversos sinais positivos no mercado imobiliário".

 

Pela sua relevância, a Imovendo realça sinais como "a recuperação observada no crédito à habitação concedido pelas instituições financeiras" e de "uma crise económica subsequente que empurrou milhares de famílias para o layoff e o desemprego".

 

Contudo, para esta consultora imobiliária, estes sinais positivos devem ser contextualizados com base em três dinâmicas distintas, começando por registar que "parte dos créditos contratados entre julho e setembro reflete o efeito de descompressão que se sentiu entre maio e junho, e que colocou, inclusivamente, a procura imobiliária em níveis máximos nos últimos 12 meses".

 

O facto de as taxas Euribor estarem em valores mínimos históricos também deve ser tido em conta nestes resultados, pois permite a obtenção de crédito à habitação em condições competitivas.

 

Outra dinâmica a contribuir para este cenário é "a perceção, do lado da oferta, de que a conjuntura económica poderá deteriorar-se ao longo dos próximos meses, pelo que importa usufruir da relativa estabilidade dos ‘asking prices’, dos preços de venda e das avaliações imobiliárias", conclui a Imovendo.

 

Galamba confiante que Sines e Pego serão ?destinos importantes de investimento?
27/01/2021 20:02

Rio não vai mudar estratégia nem fazer "discurso violento à direita" para ganhar votos
27/01/2021 19:58

Propostas ascendem a 208 milhões no décimo dia de licitação do leilão do 5G
27/01/2021 19:43

PSD e CDS vão assinar acordo-quadro que exclui Chega de coligações para autárquicas
27/01/2021 19:36

As vacinas e o papel da política
27/01/2021 19:25

Powell mantém ritmo de compra de ativos com crescimento económico a abrandar
27/01/2021 19:07

Sete dias com mais mortes de sempre em Portugal foram na última semana. Um terço dos óbitos foi por
27/01/2021 19:00

Madeira disponível para receber doentes com covid-19 do continente
27/01/2021 18:35

Noruega fecha fronteiras a partir das 00:00 desta sexta-feira
27/01/2021 18:22

Sindicatos e Ordem exigem vacinação de todos os médicos
27/01/2021 18:06

BE quer mais apoios sociais e reforço do SNS, antecipando que situação se prolongue
27/01/2021 17:54

Governo nega proibição do direito à greve dos trabalhadores da TAP
27/01/2021 17:51

Fundo Ambiental com receitas de 570 milhões em 2020
27/01/2021 17:16

?O Governo cumpre e cumprirá a lei? na venda das barragens da EDP à Engie
27/01/2021 17:15

PCP quer acelerar a vacinação em Portugal
27/01/2021 17:07

Rio antecipa que novo estado de emergência contempla "e bem ensino virtual"
27/01/2021 16:56

PSI-20 cai mais de 2% para mínimos de dezembro. EDPR afunda e BCP no maior ciclo de quedas em ano e
27/01/2021 16:43

Governo suspende ligações aéreas com o Brasil a partir de sexta-feira
27/01/2021 16:31

Défice de 2020 vai ficar abaixo do previsto: ronda os 6,3% do PIB
27/01/2021 16:26

"É um pouco triste termos de pedir auxílio estrangeiro", diz o presidente da Associação Portuguesa d
27/01/2021 16:16

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco