Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Metade dos portugueses só quer ir ao escritório dois ou três dias por semana
30/09/2020 16:15

Ir dois ou três dias ao escritório e completar o resto da semana em trabalho remoto. Este é o cenário ideal por cerca de metade (51,2%) dos profissionais portugueses inquiridos pelo grupo de recrutamento Hays.

 

De acordo com os dados divulgados esta quarta-feira, 30 de setembro, um em cada cinco (19,4%) preferia fazer apenas um dia em trabalho presencial, havendo ainda 10,4% a optar por um dia em teletrabalho e os restantes quatro nas instalações da empresa.

 

Excluindo as opções por estes regimes híbridos, então há mais profissionais qualificados em Portugal a querer trabalhar integralmente a partir de casa (10,2%) do que em voltar a estar 100% da semana naquele que era o local habitual de trabalho até ao surgimento da pandemia de covid-19.

 

"O mercado está ainda em fase de adaptação e tudo parece indicar que soluções ‘one-fits-all’ não vão ser bem sucedidas. O trabalho remoto será a solução ideal para alguns profissionais e empresas, mas não para outros. O desafio dos próximos tempos passa por encontrar o equilíbrio certo entre as necessidades dos profissionais e a realidade de cada negócio. E há que fazê-lo com ponderação, medindo resultados e adaptando soluções consoante as aprendizagens", descreve Paula Baptista, diretora da Hays Portugal.

 

Tudo parece indicar que soluções ‘one-fits-all’ não vão ser bem sucedidas. O trabalho remoto será a solução ideal para alguns profissionais e empresas, mas não para outros. Paula Baptista, diretora da Hays Portugal



Quase 80% dos inquiridos pela consultora de Recursos Humanos estiveram em trabalho durante o período de confinamento, iniciado em meados de março, sendo que a maioria (73%) ainda está neste regime ou a fazer horário dividido. Em média, dizem que mantiveram ou melhoraram a produtividade, tendo subido também a qualidade de vida familiar.

 

Por outro lado, dizem que piorou a comunicação com os colegas e com as chefias. Mais polarizados são os resultados quanto ao equilíbrio entre a vida pessoal e profissional - 46% indicam que melhorou e 32% que piorou – e no que toca à saúde mental, em que há mais gente a apontar uma degradação (30%) do que uma progressão positiva (25%).

Inquérito da Hays mostra efeitos do teletrabalho durante o confinamento.



Em resultado desta nova realidade generalizada do trabalho remoto, também a Ray Human Capital já está a sentir uma "maior competição" nos processos de recrutamento. O diretor, Luís Sítima, aconselha os departamentos de Recursos Humanos das empresas a gerir a diversidade, em vez de "trabalhar para uma média".

Marques Mendes: Recolher obrigatório em Portugal vai ser "inevitável"
25/10/2020 21:32

A reinvenção do trabalho
25/10/2020 21:10

Joacine entre a abstenção e o voto a favor
25/10/2020 21:03

Bloco de Esquerda vota contra Orçamento
25/10/2020 20:40

PS vence eleições nos Açores mas não há certeza de maioria absoluta
25/10/2020 20:10

PAN vai abster-se no Orçamento para 2021
25/10/2020 19:01

Casa Branca admite que EUA não poderão controlar a pandemia
25/10/2020 18:31

Espanha declara estado de emergência e recolher obrigatório
25/10/2020 16:22

Investidores preparam-se para o impacto dos dados das vacinas
25/10/2020 16:00

João Almeida, o miúdo seguro e tranquilo com qualidade de líder
25/10/2020 15:57

No regresso da Fórmula 1 a Portugal, Hamilton vence e torna-se no mais vitorioso de sempre
25/10/2020 15:17

Rendas de apartamentos descem nas cidades mais ricas do mundo
25/10/2020 15:00

Mais 2.577 novos casos e mais 19 óbitos em Portugal
25/10/2020 14:20

Açores/Eleições: Afluência às urnas de 9,16 por cento às 11:00 locais
25/10/2020 13:48

Espanha em estado de emergência obriga a confinamento noturno
25/10/2020 13:06

Itália encerra teatros e cinemas e obriga bares e restaurantes a fechar às 18 horas
25/10/2020 12:43

ADSE não tem pressa na cobrança das regularizações. ?Primeiro quero fechar as tabelas?
25/10/2020 12:00

Seis jornalistas detidos em manifestação em Luanda
25/10/2020 11:34

Bancos preparam-se para ?big bang? em troca de 80 biliões em swaps
25/10/2020 11:00

Dia D para Orçamento do Estado para 2021
25/10/2020 10:54

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco