Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

Trabalhador da Huawei detido na Polónia por suspeitas de espionagem
11/01/2019 15:56

Um funcionário da Huawei, de nacionalidade chinesa, foi detido na Polónia por suspeitas de espionagem. Um outro cidadão polaco também foi preso pelos mesmos motivos, avança a Reuters esta sexta-feira, 11 de janeiro.
 
Os dois indivíduos vão ficar detidos durante três meses. Contudo, e segundo o porta-voz dos serviços de segurança da Polónia, o caso não está relacionado diretamente com a Huawei Technologies.
 
"Esta questão está relacionada com ações individuais. Não está relacionada com a empresa para a qual trabalha", afirmou Stanislaw Zaryn, referindo-se ao funcionário da fabricante.
 
Da parte da Huawei, a empresa diz apenas que está a acompanhar a situação, mas não quis comentar. "A Huawei cumpre as leis nos países onde opera e pedimos a cada funcionário que cumpra as regras nos países onde trabalham", disse a fabricante.  Quanto ao outro cidadão, de nacionalidade polaca, a televisão local avança que este chegou a integrar os serviços de segurança da Polónia. Atualmente, trabalhava na telecom Orange Polska, cujos escritórios foram alvo de buscas. 
 
Estas acusações são feitas numa altura em que a empresa chinesa enfrenta um forte escrutínio no Ocidente devido à sua relação com o governo chinês e alegações de que o equipamento que produz é usado por Pequim para espionagem. Acusações que a Huawei tem vindo a negar.
 
Além do Reino Unido, também a Austrália e a Nova Zelândia decidiram afastar a Huawei das infraestruturas de telecomunicações dos respetivos países. A Austrália decidiu barrar a cooperação, alegando "motivos de segurança nacional". Seguiu-se a Nova Zelândia, citando as mesmas razões. Nos EUA, foram as gigantes de telecomunicações AT&T e Verizon Communications a quebrar os acordos que tinham para distribuir smartphones da Huawei no ano passado.
Da parte do governo norte-americano foi assinado um despacho que proíbe o uso da tecnologia da Huawei e da ZTE pelo governo. Esta decisão veio acompanhada de uma recomendação do FBI, CIA e NSA aos cidadãos norte-americanos para que também eles rejeitassem a utilização de equipamentos da Huawei. 

António Costa defende relação com a China que já leva "mais de 500 anos"
24/03/2019 12:59

Bandeira de Portugal ao alto numa manifestação em Londres contra o Brexit
23/03/2019 18:32

PNR promete combater "invasão de refugiados" para ganhar um eurodeputado
23/03/2019 18:10

Movimento "Nascidos a 5 de julho" inspira-se na AD para combater o "imobilismo socialista"
23/03/2019 17:52

Administradores Hospitalares criticam dependência da Saúde face às Finanças
23/03/2019 16:32

Lei de Bases da Saúde: Marcelo chumba momento da discussão e defende "caminho sinusoidal"
23/03/2019 14:28

Bloco de Esquerda quer fim das taxas moderadoras: "Não se está a moderar nada!"
23/03/2019 13:24

Haitong regressa aos lucros e vai vender subsidiária irlandesa
23/03/2019 11:27

Corticeira Amorim abre nova fábrica nos Estados Unidos
23/03/2019 10:31

Já há memorando de entendimento para potencial fusão entre Sonae Sierra Brasil e Alliansce
22/03/2019 22:22

Remuneração de Mexia baixa em 2018 mas continua acima de dois milhões de euros
22/03/2019 21:12

Tentativa de golpe de Estado na Pharol abortada
22/03/2019 19:32

Grandes distribuidores e cervejeiras acusadas pela Concorrência de concertação de preços
22/03/2019 17:32

Fecho dos mercados: Fantasma da recessão assombra mercados mundiais
22/03/2019 17:26

Rei saudita lança programa de 20 mil milhões para embelezar Riad
22/03/2019 15:45

Contrato da semana: Seguro da frota automóvel da Infraestruturas de Portugal custa 450 mil euros
22/03/2019 15:07

CEO da TAP: "A partir de 2021 crescimento está comprometido"
22/03/2019 12:27

Klaus Regling: "Recente melhoria do 'rating' de Portugal é sinal de otimismo"
22/03/2019 11:50

Aumento de transporte de passageiros abranda em 2018
22/03/2019 11:33

TAP com prejuízos de 118 milhões em 2018
22/03/2019 10:21

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco