Este website utiliza cookies para ter uma melhor experiência de navegação e utilização.
Ao navegar está a consentir a utilização dos cookies associados ao site.

ÚLTIMAS NO NEGÓCIOS.PT

PCP não desiste da nacionalização definitiva do Novo Banco para ter apoio do PS
11-01-2017 19:01

O PCP não está disposto a desistir da ideia de uma nacionalização definitiva do Novo Banco, mesmo que isso implique o chumbo do projecto de resolução que recomenda isso mesmo ao Governo. O Parlamento vai discutir em breve um projecto de resolução do PCP já com um ano onde a Assembleia da República recomenda ao Governo a nacionalização "definitiva" do banco que resultou do fim do BES. Mas para que o projecto seja aprovado é necessário ter os votos do PS (o Bloco concorda com a nacionalização definitiva e a direita opõe-se à ideia).Esta quarta-feira, o jornal Público avançou que o PS ainda não tinha decidido como votaria este projecto e citava o líder parlamentar, Carlos César, a defender que se os comunistas fizessem "alterações significativas" ao mesmo, o PS poderia viabilizar o diploma. O objectivo era que estas alterações significativas permitissem tornar temporária a nacionalização, em vez de definitiva como está previsto no projecto. O PS não se opõe à ideia da nacionalização, mas recusa assumir o próximo passo: nova venda mais tarde ou ficar na esfera do Estado para sempre. Na TSF, o deputado comunista Miguel Tiago foi confrontado com esta questão. O jornalista perguntou-lhe se o PCP estaria disposto a deixar cair a palavra "definitiva" para ter o aval do PS à nacionalização.  "Tanto quanto me lembro [o projecto de resolução] não tem a palavra 'definitiva' mas é nesta perspectiva que foi apresentado", disse. O projecto, que pode ser consultado no site do Parlamento, diz preto no branco que o tipo de nacionalização que vai a votos é "definitiva". Ao Negócios, Miguel Tiago assume o lapso e clarifica a posição do PCP neste momento. "Está lá a palavra e não vamos tirar."O PCP conta discutir e votar no Parlamento o seu projecto no início de Fevereiro. O Governo está a negociar directamente com a Lone Star para tentar obter uma proposta melhorada que dispense a garantia pública. O processo de venda mantém-se, mas o ministro das Finanças, Mário Centeno, admite que a nacionalização é o plano B. Fora de questão está a liquidação do banco.

Fundo soberano da Noruega reduz posição na Pharol
26-06-2017 22:51

Tecnológicas pesam no desempenho do Nasdaq
26-06-2017 21:30

BCE dedica conferência às vítimas do incêndio de Pedrogão
26-06-2017 20:41

Assista em directo ao Fórum do BCE em Sintra com Ben Bernanke
26-06-2017 19:11

Insolvências europeias passam a ter novas regras
26-06-2017 19:06

Draghi: "Desigualdade tem impacto na estabilidade financeira"
26-06-2017 18:06

Fecho dos mercados: Pacote para a banca italiana suporta bolsas. Matérias-primas em queda
26-06-2017 17:25

Prada lança clip que custa 165 euros
26-06-2017 17:25

Negócios vence prémio de jornalismo económico Santander/Nova
26-06-2017 16:59

Suicídios: Provedor da Santa Casa de Pedrógão diz ter induzido Passos em erro
26-06-2017 16:47

Simplex + 2016 foi executado em 89%
26-06-2017 16:43

Trump diz que Obama é que obstruiu investigação à Rússia
26-06-2017 16:18

Óbidos dá primeiro passo em novo "resort" de luxo
26-06-2017 16:03

Novo Airbus A330 "retro" assinala regresso "a passado muito glorioso" da TAP
26-06-2017 15:05

Barclays e Time lançam novo índice accionista baseado na Fortune 500
26-06-2017 14:41

Wall Street arranca semana em alta com recuperação do petróleo
26-06-2017 14:41

Autarca de Pedrógão Grande diz que "não há conhecimento de suicídios"
26-06-2017 14:41

Costa sobre incêndios: "Nada poderá ficar por esclarecer"
26-06-2017 14:00

Passos diz que houve suicídios por falta de apoio psicológico após incêndios
26-06-2017 13:34

Clientes vão poder abrir conta no banco através de canais digitais
26-06-2017 13:00

login

Pesquisa de títulos

Fale Connosco